Grupo UniEduK comemora os 58 anos da regulamentação da profissão de Psicologia no Brasil

Grupo UniEduK comemora os 58 anos da regulamentação da profissão de Psicologia no Brasil

Aula Magna “Vivendo distâncias: aflições, encontros e descobertas na Psicologia” com a convidada Dra. Luciana Maria Castrillon psicóloga, consultora, voluntária de Massachusetts EUA

 

O dia do Psicólogo marcado pelos 58 anos da regulamentação da profissão de Psicologia no Brasil foi comemorado pelo Grupo UniEduK (UniFAJ e UniMAX) com uma Aula Magna com o tema “Vivendo distâncias: aflições, encontros e descobertas na Psicologia”. Para isso, foi convidada Dra. Luciana Maria Castrillon psicóloga, com mestrado e doutorado em Psicologia e voluntária numa organização que atua para o empoderamento de pais de crianças com necessidades especiais nos EUA.

A abertura do evento online foi realizada pelo diretor da UniMAX, professor Hércules Domingues, que em nome de todo o grupo deu as boas-vindas à palestrante e destacou o aprendizado que a pandemia de Covid-19 tem propiciado a todos, inclusive reforçando a união do Grupo UniEduK.

“Se pensarmos na teoria de Vigotski, ele fala, principalmente, de interação, da aprendizagem com o outro, que o homem só se constrói com o outro homem. Tem coisa mais humana do que isso?!”, disse o diretor. Essa pandemia nos fez aprender muitas coisas, dentre elas a colaboração, imaginação e criatividade e, neste sentido, foi possível contar com a participação da professora do EUA para colaborar com nossa aprendizagem, acrescentou.

Sempre preocupada com saúde mental e o impacto sobre a infância, Dra. Luciana contou sobre sua paixão: a escola – que considera ter um grande poder de promoção humana e sua trajetória de vida e carreira.

Na oportunidade, falou sobre a distâncias entre as pessoas, entre profissionais e as barreiras de saúde. Ela destacou, ainda, que existem distâncias de gêneros, idade, habilidades, acesso, visão de mundo e experiências e questionou: “Como tornar as distâncias menos sofridas ou menos intransponíveis?”.

“Temos que prestar atenção nessa distância que se abateu sobre nós como um convite para o pensar, para imaginação. O que está faltando no mundo que eu posso criar? ”, ressaltou a Dra. Luciana.

A psicóloga falou também sobre a importância de reconhecer o sofrimento que a distância causa, identificar vulnerabilidades e recursos, fortalecer a intencionalidade e facilitar a comunicação. Salientou a importância de compartilhar experiências, dos encontros para o desenvolvimento de competências, pessoal e profissional, além das descobertas das diferenças individuais.

O evento foi intermediado pela gestora do curso de Psicologia, Vanessa Cristina Cabrelon Jusevicius, a orientadora pedagógica, Raquel Gonçalves Silveira Alves e a professora Luana Luca. Ao final, os estudantes puderam fazer diversas perguntas à palestrante.

Assista o evento completo:

 

Texto: Tatiane Dias – (MTB 67029)