Professores e alunos da UniMAX desenvolvem encaixes para máscaras de mergulho adaptada para evitar contágio da Covid-19

Professores e alunos da UniMAX desenvolvem encaixes para máscaras de mergulho adaptada para evitar contágio da Covid-19

Encaixes foram entregues ao diretor do Hospital Augusto de Oliveira Camargo, Dr. José Carlos Ribeiro da Motta Filho e será destinado aos profissionais de saúde do local

Tendo por base três modelos de máscaras de mergulho, o professor do curso de Arquitetura e Urbanismo da UniMAX – Centro Universitário Max Planck de Indaiatuba, Rodrigo Argenton Freire, desenvolveu modelos de encaixes que podem ser acoplados em máscaras de mergulho e filtros HEPA (High Efficiency Particulate Arrestance), tecnologia empregada em filtros de ar com alta eficiência na separação de partículas. Em diversas partes do mundo, profissionais da saúde têm utilizado a máscara adaptada em áreas onde há alto risco de contágio da Covid-19.

Para a realização do teste e prototipagem do material, o docente contou com o apoio do técnico de Laboratório Fernando Rios, do egresso Eduardo Senda e da aluna de Arquitetura e Urbanismo, Thais Fabrizzi e do Fablab Amado, onde a estudante trabalha. O trabalho foi feito no FabLab do Centro Universitário Max Planck.

O uso de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) é de extrema importância para os médicos, enfermeiros, entre outros profissionais da saúde que atuam diretamente no tratamento de pessoas infectadas pelo novo Coronavírus. A intenção é aumentar a proteção. “Em situações de emergência se faz necessária a ação rápida e o uso de soluções alternativas. Por esse motivo, e com base em exemplos desenvolvidos em outros locais e compartilhados em plataformas de OpenDesign, desenvolvemos estes modelos”, ressalta o professor Rodrigo. 

Em diversos países da Europa, as máscaras de mergulho adaptadas também têm sido utilizadas para aliviar os pulmões dos pacientes em tratamento do Covid-19 e têm minimizado a falta de respiradores artificiais.

Já os encaixes produzidos pela UniMAX foram entregues ao diretor do HAOC (Hospital Augusto de Oliveira Camargo), Dr. José Carlos Ribeiro da Motta Filho e serão destinadas aos profissionais de saúde do local.

 

Texto: Tatiane Dias (MTB 67029)